Tags

, , ,

Que tal descobrir como foi criado o mais utilizado e amado tipo de sapatos do mundo inteiro, entre as baixinhas e até as altas. A invenção do salto alto próximo ao que se conhece hoje é atribuída a Catarina de Médici. Filha de uma distinta família italiana de Florença, ela foi a Paris para se casar com o futuro Henry II da França. Por ser pequena, carregou na bagagem vários sapatos feitos por um artesão italiano com saltos que a deixava mais alta.

A novidade virou moda na aristocracia francesa fazendo homens e mulheres usarem durante os séculos XVII e XVIII como uma marca de privilégio social. Só os ricos e bem nascidos podiam usá-los.
Em 1800, os saltos descobriram a América, o cenário ideal para crescerem ainda mais. E o show começou nas casas suspeitas de New Orleans, que importavam garotas francesas que usavam saltos altos. O sucesso delas com os clientes foi tão grande que em 1890 a primeira fábrica de saltos desapatos se estabeleceu em Massachusetts.
salto alto do sapato feminino alonga a perna e contribui para a valorização dessa parte do corpo. Muitas mulheres costumam associar o uso de saltos altos que podem chegar até 15cm ou mais, a uma sensação de maior confiança e sensualidade. A associação com o sensual talvez venha do fato das cortesãs japonesas que usavam tamancos com quase trinta centímetros de altura.
Os historiadores também acreditam que as prostitutas na Roma antiga se distinguiam das outrasmulheres calçando saltos altíssimos.
No teatro grego, serviam para mostrar a graduação social dos personagens. Quanto mais altos, mais importante era a figura.

Anúncios